Beto Richa está deixando o governo, batendo boca com delegado e entregando hospital inacabado em Telêmaco Borba

Beto Richa está deixando o governo, batendo boca com delegado e entregando hospital inacabado em Telêmaco Borba

Por hora, a última mentirinha de Beto Richa trata de um hospital de Telêmaco Borba. Entre isso e aquilo, sabe-se que seu antecessor, o atual senador Roberto Requião (MDB), quando deixou o governo dizia ter entregue aos paranaenses, durante seus dois últimos mandatos, hospitais para atender à comunidade, entre eles, o hospital regional de Telêmaco Borba. Existem controvérsias, mas Betinho assumiu e gritou para todos ouvirem. – “Vou entregar o hospital de Telêmaco Borba em 2012”. Não deu legal. Falou em 2016, e depois 2017, e nada. Em seu blog, o jornalista Celso Nascimento informou: Finalmente, às vésperas de iniciar sua campanha ao Senado, e o secretário da Saúde, Michele Caputo […]

Continua dando o que falar a aprovação da Assembleia Legislativa do Paraná que concedeu gratificações a juízes e promotores

Continua dando o que falar a aprovação da Assembleia Legislativa do Paraná que concedeu gratificações a juízes e promotores

A aprovação pela Assembleia Legislativa do Paraná, concedendo gratificação por acúmulo de funções a juízes e promotores do Paraná, deixou os paranaenses indignados. Em tempos de carestia, o mínimo que os parlamentares deveriam fazer seria aguardar a recuperação financeira do país, para depois, em momento oportuno, estudar os pedidos do judiciário. Entre os poucos parlamentares que votaram contra as propostas, Requião Filho (MDB) votou contra os dois projetos e criticou a iniciativa: “Não é hora de conceder esses benefícios, mas sim dos poderes darem exemplo”. VEJA 03/04/18 – 11:21

Nas últimas horas de seu governo, Beto Richa continua correndo o estado e assinando “ordens de serviço”. “Pinóquião”, está faltando coisa aí…

Nas últimas horas de seu governo, Beto Richa continua correndo o estado e assinando “ordens de serviço”. “Pinóquião”, está faltando coisa aí…

É o “governador de todos os paranaenses”, Beto Richa não quer perder tempo e, louco para faturar eleitoralmente, percorre o estado para “assinar” ordens de serviço. Ele está há quase oito anos à frente da administração do estado, tempo de muitas promessas e poucas respostas à população. Nesta terça-feira (03/04), ele assinará ordens de serviço para o início de várias obras rodoviárias em diversas regiões do Estado e autoriza a licitação de um viaduto. Serão autorizados os serviços na Rodovia dos Minérios (PR-092), na Região Metropolitana de Curitiba; a duplicação do trecho Londrina-Irerê (Norte), revitalização da Avenida Bento Rocha, em Paranaguá (Litoral); novo viaduto na BR-277 em Paranaguá e a […]

Pretenso candidato à presidência pelo Podemos, Álvaro Dias tenta ser uma alternativa de centro. Ele aparece com 6% nas pesquisas

Pretenso candidato à presidência pelo Podemos, Álvaro Dias tenta ser uma alternativa de centro. Ele aparece com 6% nas pesquisas

O gazeteiro Afonso Benites, do jornal El País, assina matéria sobre a candidatura de Álvaro Dias à presidência da República. Entre isso e aquilo, o jornalista informa que, aos 73 anos de idade, sendo 42 ocupando cargos públicos ou militando em sete partidos diferentes, o senador Álvaro Dias (PODEMOS-PR) pretende disputar sua primeira eleição presidencial com o discurso de renovação da política. “A renovação está nas ideias. Não na longevidade”, diz quando questionado se não há um contrassenso em defender essa mudança. Depois de passar por legendas hoje antagônicas, como o direitista PSDB e o esquerdista PDT, sua meta é se firmar como uma opção de centro, sem amarras partidárias, para tentar angariar […]

No salão de beleza: Beto Richa desmente saia-justa com ex-assessor. Betinho teria sido ignorado por Carlos Nasser, aquele da Operação Integração

No salão de beleza: Beto Richa desmente saia-justa com ex-assessor. Betinho teria sido ignorado por Carlos Nasser, aquele da Operação Integração

A informação é do gazeteiro Reinaldo Bessa, sucesso desde os tempos do Rádio Fatos, programa da rede Capital de Rádio. Veja a nota. O governador Beto Richa ligou agora à noite (02) para este colunista para desmentir que tenha sido ignorado por seu ex-assessor Carlos Nasser após a missa das das 11 na Igreja Santa Terezinha, no Batel. Segundo nota divulgada nesta segunda feira (02) pelo site, baseada em relato de Nasser, Beto teria lhe estendido a mão para cumprimentá-lo e ficou com ela no ar. Segundo o governador, isto não aconteceu. “Eu o vi do alto da escada e saí pela esquerda, onde estava meu carro, enquanto ele (Nasser) […]

Refis. Afif Domingos, presidente do Sebrae, afirma que foi firmado um acordo para a derrubada do veto presidencial

Refis. Afif Domingos, presidente do Sebrae, afirma que foi firmado um acordo para a derrubada do veto presidencial

O Presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, que lidera a articulação com as entidades e a Frente Parlamentar para que o veto seja derrubado, em entrevista há pouco na Rádio CBN, disse houve acordo com o Presidente para o Senado derrubar o veto. A informação é do gazeteiro mais articulado na região oeste paranaense, Jorge Guirado. 03/04/18 – 09:34

Dep. Hauly (PSDB) está confiante na derrubada de veto do Refis. O parlamentar vem convocando seus pares

Dep. Hauly (PSDB) está confiante na derrubada de veto do Refis. O parlamentar vem convocando seus pares

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, disse em entrevista no Palácio do Planalto nesta segunda-feira (2) que os parlamentares devem derrubar o veto presidencial, que instituía o Refis para micros e pequenas empresas. O programa de refinanciamento — permitido às empresas optantes pelo regime de tributação Simples—, havia sido aprovado pelo Senado no final de 2017. O deputado Hauly (PSDB), relator da Reforma Tributária, está nesta luta e convoca seus pares para derrubarem o veto presidencial.    

Congresso Nacional tem sessão nesta terça-feira (03/04). O deputado Kaefer trabalha para derrubar veto presidencial ao programa de regularização de débitos do Funrural

Congresso Nacional tem sessão nesta terça-feira (03/04). O deputado Kaefer trabalha para derrubar veto presidencial ao programa de regularização de débitos do Funrural

O Congresso Nacional tem sessão na terça-feira (3), para análise de vetos presidenciais. A pauta inclui veto do presidente Michel Temer ao perdão de multas e encargos sobre as dívidas de produtores rurais. Trata-se do veto parcial ao projeto que originou a Lei 13.606/18, que instituiu o Programa de Regularização Tributária Rural (PRR) para débitos acumulados com o Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural (Funrural). O deputado Alfredo Kaefer condenou os vetos do presidente Michel Temer a 23 dispositivos da conversão em lei da medida provisória que criou programa de parcelamento das dívidas do Funrural (Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural). Para Kaefer, os vetos trazem nova insegurança jurídica aos […]

Entrevista. Norberto Ortigara entregou ao governador Beto Richa sua carta de desincompatibilização. Nestas eleições, Ortigara poderá estar em lado oposto ao governador

Entrevista. Norberto Ortigara entregou ao governador Beto Richa sua carta de desincompatibilização. Nestas eleições, Ortigara poderá estar em lado oposto ao governador

Nesta segunda-feira (02/04), conversamos duas vezes com o atual secretário da Agricultura do Paraná. Pela manhã, ele anunciava que estaria reunido com o governador do Paraná para entregar o seu pedido de exoneração do cargo de secretário da Agricultura. Noberto Ortigara acaba de sair do gabinete do governador Beto Richa. Eles devem estar em lados opostos nesta eleição. Ele estará junto a Ratinho Junior como candidato à vice governança ou, quem sabe, disputará uma cadeira na Câmara Federal. Acompanhe a entrevista… 02/04/18 – 19:31 FOTO/AEN

Assim são os nossos deputados. Para os professores nada de aumento, mas para o judiciário tudo pode. Aí todo mundo aplaude…

Assim são os nossos deputados. Para os professores nada de aumento, mas para o judiciário tudo pode. Aí todo mundo aplaude…

A Assembleia Legislativa aprovou o aumento de gratificações pagas pelo Tribunal de Justiça do Paraná (TJ) e pelo Ministério Público Estadual (MP). Os magistrados, promotores e procuradores terão direito a até um terço a mais do salário por acúmulo de trabalho em diversas situações. O custo total aos cofres públicos será de quase R$ 8,9 milhões por ano. Para acelerar a aprovação definitiva dos textos, os deputados realizaram duas sessões em sequência na tarde desta segunda-feira (02/04) ─ uma ordinária e outra extraordinária. Assim, os dois projetos já podem ser enviados ao governo do estado para a sanção de Beto Richa (PSDB) ou de Cida Borghetti (PP), a partir da […]