Ex-governador e candidato ao senado, Beto Richa deixou o sistema previdenciário com quase R$ 5 bilhões a menos em caixa

Ex-governador e candidato ao senado, Beto Richa deixou o sistema previdenciário com quase R$ 5 bilhões a menos em caixa

O cara não é o cara. Ele bagunçou geral o sistema previdenciário dos funcionários públicos do Paraná. Beto Richa, o governante do “melhor está porvir”, deixou o cargo com um legado na Paraná Previdência com R$ 4,6 bilhões a menos. A informação é do jornalista Euclides Lucas Garcia da Gazetona. A perda é resultado da polêmica reforma no sistema previdenciário do estado aprovada em 29 de abril de 2015, o dia da maior violência contra professores e funcionários ocorrido no Paraná. O levantamento foi feito a pedido da Gazetona pelo consultor Renato Follador, um dos idealizadores do órgão criado em 1998. 16/04/18 – 08:48 Foto/Agência de Notícias do estado

Tentando se eximir das bobagens de ontem, Beto Richa corrige erro na previdência, afirma oposição

Tentando se eximir das bobagens de ontem, Beto Richa corrige erro na previdência, afirma oposição

A oposição na Assembleia Legislativa do Paraná afirma que o projeto de lei encaminhado pelo ex-governador Beto Richa (PSDB) corrigindo uma falha no plano de custeio da previdência dos servidores é uma tentativa do ex-governador fazer com que fique isento de possíveis consequências da falha legislativa. Segundo o jornalista João Frey, na prática, o que o projeto faz é retirar um teto que limitava em 22% da folha mensal os aportes que o governo fará ao fundo previdenciário entre 2030 e 2051. Dessa forma, os aportes do governo ao  fundo poderão ser maiores, garantido o equilíbrio atuarial do sistema. Para o deputado Anibelli Neto (MDB), a proposição é fruto da […]

Continua a dificuldade do cidadão em tirar a Carteira de Identidade no estado do Paraná

Continua a dificuldade do cidadão em tirar a Carteira de Identidade no estado do Paraná

O problema é uma constante, tanto na capital quanto no interior do estado. O responsável pelo setor concedeu entrevista ao Bom Dia Paraná nesta terça-feira (06/03) e, como de costume, desandou na falação e apresentação de desculpas como a falta de estrutura e coisas do gênero. A pergunta que não quer calar é: Por que o posto de identificação que funciona dentro da Paraná Previdência não pode atender o cidadão? Os atendentes daquele posto ficam, na maior parte do tempo, sem atender ninguém e poderiam ajudar na demanda da população geral pela documentação. ——————-PUBLICADA AOS 06/03/18, ÀS 11:54 FOTO/ILUSTRATIVA

O susto dos aposentados. No início da tarde, em frente ao Paraná Previdência, dois senhores diziam: “O Beto fica contando vantagem. Era só o que faltava, ficaremos sem peru”.

O susto dos aposentados. No início da tarde, em frente ao Paraná Previdência, dois senhores diziam: “O Beto fica contando vantagem. Era só o que faltava, ficaremos sem peru”.

A preocupação foi generalizada. Erro da Caixa ou coisinhas nem sempre bem explicadas pelo governo? A verdade é que os funcionários aposentados vivem com um pé atrás, principalmente depois dos pacotes que mexeram com a dinheirama do Paraná Previdência. O melhor que foi só um susto. Por volta das 15 horas, a bufunfa estava creditada. Agora todos podem comprar os presentes de Natal e aquele peru manjado e muito mal temperado. Entenda o caso No início da tarde, segundo o jornalista Celso Nascimento noticiava, “os servidores públicos estaduais aposentados e pensionistas estão sem receber seus proventos, prometidos para depósito até ontem, dia 20. Hoje, 21, penúltimo dia útil antes das […]